Totem : uma anotação oniríca

Manchas negras e amarelas . Um enxame . Sentia os pequenos corpos,grãos de areia enchuvarados .
-Você viu ?
-Vi.
-Sabe como  elas são ?


Estendi a palma da mão
Ela se acomodou
Cerrei o punho 


- São como eu .




Игорь

Comentários

Hummmm, deixa eu pensar ....
Delírio.
Alucinação.
Começo.

Beijão e bom final de semana !
mara* disse…
totem moderno. totem neurótico. somente a lembrança resiste dos totens na madeira do tempo entalhados.

sumiu, escafedeu-se, a ausência foi sentida.

kisses totêmicos.
Игорь disse…
Oi Celamar , começo é uma boa pista ...

Sim Mara , após o apagão o modem ficou maluco . E estou ocupado a perseguir o Pai Natal ;)

beijos
Anônimo disse…
Pô, A2, esse lado teu eu não conhecia. Muito bom!

Abraços.


Galahad
Игорь disse…
hehehehe

Obrigado Galahad

Abraços
Frank Saiu disse…
São também como os elefantes....tem uma excelente memória, mas nenhum caráter...hahaha

Abraço!
Игорь disse…
Elephantes ?? Hmmm......


Abraços Sócio !
Maringa disse…
"Manchas" negras e amarelas, enxame... abelhas? Como abelhas?

Isso deve ter um puta sentido, subjetivo, mas tem sentido.
Игорь disse…
Oi Maringa

Tem um sentido metafórico ligado a totem . E tem razão é bem subjetivo.

abraços
E.Suruba disse…
pareceu aquele movimento de poesia moderna que eu estudei no ensino médio e agora n~~ao lembro mais o nome, mas que eu acho legal! Fica algo solto no ar! Um suspense! Troféu Joinha
Игорь disse…
Olá .

Movimento de Poesia ?

Hmmm...Simbolista ?? Não . Concretista ? Talvez . Ainda lembro uns nomes .

obrigado !
Dilberto L. Rosa disse…
Vi abelhas mil a pulularem por sobre as vossas cabeças, juntamente com aquela doce estorinha sobre o escorpião e a rã, cujo desfecho triste e duro mostrava a natureza do bichinho do ferrão... e tudo tão bem se podia aplicar na vida nossa de cada dia, não? Assim é teu texto, com todas as metáforas cirílicas e interessantes! Abração!

P.S.: taxidermias é mesmo um assunto morbidamente fascinante... Mesmo (ou especialmente) para os mais jovens!
Игорь disse…
Olá Dilberto

A velha metáfora de Esopo .

Atemporal e bem lembrado


Norman Bates era fascinado por taxidernmia hehehe

Abraços
Jens disse…
Porra, meio assustador o final. Quase senti o grito de terror depois de última fala...
(Ou minha imaginação doentia está mais fértil do que o usual ou estás lendo H. P. Lovecraft em demasia. Você decide).

Um abraço.
LuRJ disse…
Nrop,queridão,essa abelha não pode ser um tótem,não tem características para reunir em torno de si um movimento religioso,ainda que em priscas eras o povão se apegasse a qqer coisa como sagrado (neguinho ainda ama ter "sagrados")... aff, to apelando.Mas,no momento em que vc a aprisiona,ela pode virar um talismã.Larga a abelha,Nrop!!!Não te basta o pobre gato?Gato tem mais tipo,mais vidas.Pra totem prefiro um gato.Preto.Pra simbolismo tb.Já escrevi contos com gatos...ai.Mas os gatos eram safados e viravam homens...ui...rsss.Eu "viajo" pra caramba.
Mas pq seria como vc?Existe um simbolismo aí que não consigo entender.No verão minha cabeça não decifra enigmas: o sol libera meu lado animal e põe para dormir o racional.Liga,não.
Bjs (ainda não consegui um tapa-olho para vc.Eu queria te dar um que tivese um alvo pintado...rss).Amiga do Norman Bates tem que bolar essas meiguices...:-)
Игорь disse…
Olá Jens

Pode ser os 02... tus imaginação em demasia e minhas leituras edificantes hehehe

Abraços
Игорь disse…
Oi Lu

hehehehe

Deu nó na tua mente ??? Heheheheh

Este é o teu insight . O meu, quando o escrevi foi outro .

Quem lê de alguma forma o recria e se projeta .

Um beijo .

Há um tapa -olho com uma alça de mira vai bem 1 Rsss
Dilberto L. Rosa disse…
Ainda esse enxame? Rs. Volte logo do Bates Motel e nos brinde com 'post' novo! Abração!
Игорь disse…
Oi Dilberto .

obrigado :)

Papai Noel me deixa irascivel hehehe

já já vem post novo ...